ALENTEJO Mask Mask

ALENTEJO / Portugal

Entre os lugares que fazem do Alentejo sinónimo de história e tradição, está Castelo de Vide, conhecido como a "Sintra do Alentejo”. Comece a sua viagem no tempo, com tempo! Explore a sua arquitetura, aprecie os solares oitocentistas e os jardins, os portais góticos, igrejas e a judiaria. 

Não muito longe, não deixe de visitar o Museu da Tapeçaria de Portalegre, dedicado ao seu fundador, o industrial Guy Fino, que inclui na sua coleção obras de artistas como Almada Negreiros, Maria Keil, Júlio Pomar e Vieira da Silva. 

Aventure-se pelo percurso ribeirinho do Tejo, a pé pelo passadiço de madeira junto ao rio, entre a praia fluvial do Alamal e a ponte de Belver, com o Castelo como pano de fundo. 

Aproveite a gastronomia de Portalegre, especialmente os seus enchidos e, se for adepto da pesca, dê um pulo a Ponte de Sor, à Albufeira do Maranhão, ou a Montargil. Se preferir a caça não deixe de passar em Sousel. 

Desça e pare em Elvas para comer uma sericaia. Ao lado, em Estremoz, cidade de vestígios barrocos, começa a Rota do Mármore. A partir daqui, palácios e igrejas, solares e casas modestas e até tabernas e calçadas se revestem de mármore.

Continue depois por Borba, também ela na Rota do Mármore, e não se esqueça que esta é também terra de bom vinho, local de passagem obrigatória na Rota dos Vinhos do Alentejo. Em Vila Viçosa, repare nos trabalhos de mármore nas fachadas das igrejas e claro, no sumptuoso Paço Ducal, no Convento dos Agostinhos e no Convento das Chagas.  Ainda na Rota do Mármore passe pelo Alandroal, visite a fortaleza da Juromenha e o castelo de Terena.   

Não muito longe, os tapetes de Arraiolos para os amantes do artesanato ou o Percurso Ambiental de Cabrela e Monfurado, em Montemor-o-Novo, para os amantes da natureza, são boas sugestões. 

É inevitável parar em Évora, cidade de muitas histórias, com muito para ver.  No Redondo deguste os fabulosos vinhos e continue por Granja/Amareleja, Moura, Reguengos de Monsaraz, Vidigueira, concelhos que são também parte da Rota dos Vinhos. 

Siga a Rota do Fresco por Viana do Alentejo, Alvito, Cuba. Uma viagem do século XV até ao século XIX, através dos murais pintados em capelas, ermidas e igrejas. Faça o desvio para Beja e conheça a "Rainha da Planície” e o seu património surpreendente. Neste percurso, descubra os coros de cantar alentejano e as suas modas que cantam a melancolia, a solidão, o amor e o trabalho no campo. 

Galeria

Oportunidades