Login

Entendendo Portugal e sua História pela Saudade

Entendendo Portugal e sua História pela Saudade

Se já aprendeu português, ou qualquer outro idioma, notará que existem palavras e frases que são difíceis de traduzir diretamente à letra na sua língua de origem. Elas costumam descrever uma emoção ou um sentimento que requer várias palavras para ser descrito em outros idiomas. Essas diferenças são alguns dos aspetos que fazem com que o aprendizado de outras línguas seja algo interessante e poético.  

Em português, Saudade é uma dessas palavras. É difícil traduzi-la completamente, mas ainda assim ela descreve um sentimento que é familiar para todas as culturas. É uma palavra que é muito usada na língua portuguesa; tanto no dia a dia, como na literatura ou na música. 

O Significado de Saudade 

A palavra saudade é geralmente traduzida para o inglês como missing (falta, perda), mas na verdade é muito mais do que isso. Refere-se a um estado de anseio, melancolia e nostalgia. Você pode sentir saudade de uma pessoa, de um lugar ou de uma época. É uma mistura de felicidade e tristeza ao mesmo tempo. É importante notar que também pode ser usado para descrever o anseio que você sente por algo que pode não ter acontecido ainda, ou pode nunca vir a acontecer, por isso não pode ser traduzido como mera nostalgia. 

Você pode sentir saudade de coisas do futuro ou coisas do passado. A Saudade pode ser sentida até quando você está na companhia de alguém e você realiza que o tempo com essa pessoa está a chegar ao fim e você sente aquele anseio e tristeza antes mesmo dela partir. 

Se alguém não faz mais parte da sua vida, a palavra saudade pode ser usada para descrever a felicidade que você sente quando pensa nos bons tempos que teve com essa pessoa, assim como a tristeza que sente por ela não fazer mais parte da sua vida. A Saudade descreve algo indiscutivelmente mais profundo do que apenas sentir falta, é mais como uma forma de incompletude: é aquela sensação de que uma parte de nós está incompleta na ausência de uma pessoa ou circunstância à medida que o tempo vai passando. 

Da mesma forma, pode ser usada para expressar aquele anseio agridoce que surge quando se pensa em um período de tempo que já passou ou vai passar. Pode ser um momento da sua infância, um capítulo significativo da sua vida, amizades, relacionamentos ou um período de tempo do qual você sente falta e para o qual você não pode voltar.  

A Influência na Cultura Portuguesa 

A Saudade está profundamente enraizada na história e cultura portuguesas e reflete-se na sua música, literatura e poesia. Exemplo disso é o Fado: género popular de música ou canto que faz parte do Património Português e que se destaca pelas suas qualidades tristes e melancólicas. É uma música profundamente emotiva, projetada para evocar o sentimento de amargo-doce, o anseio existencial que vem da saudade de quem a escuta. É feita para se conectar com o público por meio desse sentimento compartilhado. 

É também uma palavra que tem aparecido na literatura e na poesia portuguesas desde há centenas de anos, em peças que partilham histórias de amor e saudade. Muita literatura e poesia escritas durante a Idade dos Descobrimentos Portugueses refletem este sentimento. A Saudade também foi um tema central em muitas poesias escritas durante o Renascimento Português. 

A Origem da Palavra “Saudade” 

É comum pensar-se que o termo se originou durante a Idade dos Descobrimentos Portugueses, como uma forma de expressar a saudade que as famílias sentiam pelos seus entes queridos que tinham partido para terras distantes, e a incompletude que sentiam na ausência deles. Da mesma forma, retratava o anseio sentido pelos marinheiros quando voltavam para junto dos seus após essas viagens. 

Com a formação de colônias portuguesas em terras distantes, o termo saudade era utilizado para designar a saudade coletiva ou a saudade de quem vivia em diferentes zonas de Portugal, as lembranças que ali haviam feito e as que deixaram para trás. 

Embora esta época possa ter popularizado o termo, na verdade ele apareceu pela primeira vez muito antes da Era dos Descobrimentos, na literatura do século XIII como “soidade”. Foi usado na poesia para retratar o sentimento de desejo desesperado sentido por amantes distantes, por não poderem ficar juntos. Provavelmente também foi influenciado pela palavra árabe que expressa melancolia, sawda (سَوْدَاء). Esta influência é altamente plausível considerando a forte influência árabe em Portugal. 

Um Sentimento Universal 

Algo tão bonito, mas trágico, sobre a saudade é que ela não pode ser sentida sem ter experimentado intensa felicidade, contentamento e plenitude. É um sentimento inerentemente humano, sentir intensa alegria e tristeza ao pensar nas pessoas e lugares com os quais você se conectou. Embora a saudade possa ser incômoda e às vezes indesejada, quase sempre arriscaremos passar por esse sentimento agridoce nem que seja para viver a alegria que a precede. 

 

Galeria